Crônicas dos Confrontos – Semana 5 – Quarterbacks

em

Salve meu povo! É sempre bom pensar na NFL, ainda mais quando se trata destas crônicas, em que exercito ao máximo o meu pouco tempo de conhecimento da liga.

Passadas quatro semanas (a jato!), já vimos muitos jogos fantásticos, lances inesquecíveis…e o contrário também. 😬 Mas é a liga que amamos, e o fantasy nos espera!

Começando pelos quarterbacks!


TITANS X BILLS

Embed from Getty Images

Super (Marcus) Mariota mostrou a que veio – e que está bom para lançar passes para TD e ganhar o jogo! O desafio agora é contra os Bills, que não assustam se você não entra em campo no salto alto. Josh Allen? Bom, salvo engano, não creio que será este ano que usaremos seus serviços com empolgação.

Titans vence essa partida com o apoio de sua defesa que parece ter engrenado.

FALCONS X STEELERS

Embed from Getty Images

Tiro, porrada e bomba, como diria uma filósofa contemporânea! A bola vai viajar muito pelo ar e se você tem Matt Ryan ou Big Ben Roethlisberger certamente vai botá-los pra jogar. Com o muito aguardado retorno de Devonta Freeman, ele pode ser o fiel da balança para os Falcons aprontarem na casa do adversário e levarem a vitória nesse confronto.

BRONCOS X JETS

Confronto de dois QBs medianos pra baixo. As defesas falarão mais alto aqui, e Case Keenum talvez encontre menos problemas para passar a bola (e pontuar no seu time), porém os passadores aqui só devem ser considerados em ligas 2QB ou profundas, e mesmo assim eu não iria no Sam Darnold. Broncos só precisam fazer o feijão com arroz pra vencer.

JAGUARS X CHIEFS

Embed from Getty Images

O confronto é pesado, mas não por causa da dupla de QBs e sim pelo duelo ataque dos Chiefs x defesa dos Jaguars. Nisso, Jacksonville tem um defeito sério para vencer partidas, que, como bem sabemos, é Blake Bortles, o qual faço ressalva similar a Case Keenum. Com relação a Patrick Mahomes, o negócio é manter no seu time enquanto ele está com a mão quente e calibrada! Chiefs devem vencer mais uma vez mascarando as deficiências defensivas com pontos no placar.

PACKERS X LIONS

Embed from Getty Images

No primeiro confronto de divisão que analisamos, Packers x Lions devem fazer um jogo apertado, haja vista que temos dois jogos corridos embrionários e dois QBs em momentos difíceis (Aaron Rodgers lesionado e Matthew Stafford lento).

Acredito que os Packers podem vencer este jogo por ter um jogo corrido menos pior e o Arão da massa a seu favor, o qual você não deve pensar duas vezes se deve escalar ou não. Stafford é aquele cara de 2º ou 3º escalão que você pode pensar em botar no time haja vista que enfrenta a secundária “em obras” de Green Bay, sem contar que os Lions sabem mais passar do que correr há tempos!

RAVENS X BROWNS

Embed from Getty Images

Outro derby, agora na AFC North, e este promete ser ainda mais pegado! Ravens e Browns têm duas defesas ferozes e incansáveis, levando o desempate para seus respectivos ataques. Aí, por incrível que me pareça, Joe Flacco pode decidir, já que vem fazendo um começo de ano que nos faz lembrar sua campanha de playoffs que culminou em vitória no Super Bowl XLVII. Ele está valendo a pena sobre a maioria dos QBs da liga atualmente.

Do outro lado, a hype train saiu da estação, e você pode escalar Baker Mayfield se não tiver opções confiáveis (não que ele seja, mas está jogando as partidas com fibra e sem hesitação). Aposto em vitória apertada dos Ravens.

GIANTS X PANTHERS

Embed from Getty Images

Pobres Giants…ou seja, esqueça escalar Eli Manning, exceto por desespero puro na posição de QB. Os Panthers devem vencer essa partida com sobras, descansados após a bye. Quanto a Cam Newton, escalação obrigatória!

DOLPHINS x BENGALS

Embed from Getty Images

Sonho de uma noite de verão? Os Dolphins não foram vistos em campo semana passada contra os Patriots, confirmando que foi excesso de ousadia minha questionar se eles seriam favoritos. A dinastia não acabou!

Ryan Tannehill não é um cara clutch, portanto na partida contra os Bengals ele deve se esconder por boa parte da partida novamente, o que o torna um mau investimento nesta semana. Já Andy Dalton está fazendo jus aos tempos em que levou Cincinnati a vários playoffs (embora sem vencer partidas na referida fase). Pode escalar o ruivo que ele vai ganhar essa partida!

RAIDERS X CHARGERS

Embed from Getty Images

Oakland estaria sem vitórias em 2018 se não tivessem lutado até o final contra os Browns. E contra os Chargers? A vida será resolvida em tempo normal, mas A turma de Philip Rivers deve tomar as rédeas da partida desde o começo, pois tem bom jogo corrido e aéreo (incluindo seus RBs nos dois quesitos). Com isso, confie no braço do papai Philip Rivers!

Derek Carr vive a inconstância que é ser comandado por Jon Gruden e seu apelo ao jogo corrido. Carr tem buscado muito o tight end Jared Cook nesta temporada, este seguido por Amari Cooper e Jordy Nelson, então podemos esperar que ele, ao meu ver, perseguindo os Chargers no placar, tente muitos passes para se manter vivo no jogo, e é uma opção viável para seu fantasy nesta semana (se você estiver na dúvida entre ele, Bortles, Keenum, Eli…).

CARDINALS X 49ERS

Não se admire se os Cardinals encontrarem forças e vencerem este outro confronto entre times da mesma divisão! Mas não é nisso que aposto, ainda que os 49ers contem com C.J. Beathard.

– Quem?

– Aquele que jogava antes de Jimmy G chegar.

– 😱

O que sei é que você pode escalar CJB em ligas 2QB se espera uns 10 pontinhos dele, senão a função dele será esquentar seu banco.

Já em Arizona, Josh Rosen fará sua estreia na equipe e tem a dura missão de, assim como seu companheiro de draft Baker Mayfield, fazer o time tirar a barriga da miséria. No entanto eu acredito que ele vai demorar mais tempo para isso. Vitória dos 49ers no meu board.

VIKINGS X EAGLES

Embed from Getty Images

Ano passado, a final da Conferência Nacional foi entre os mesmos times, com QBs diferentes (Keenum pelos Vikings; Foles pelos Eagles). 2018 e quanta diferença! Afinal Carson Wentz estava lesionado e os Vikings haviam perdido Sam Bradford há muitas rodadas daquela partida de playoffs. Amanhã veremos Wentz contra Kirk Cousins.

Carsão da massa retornou longe do seu potencial, mas é titular certo porque é bom, e isso é suficiente para suas dúvidas. Kirk Cousins não tem o mesmo talento, mas tem o teto, e merece a escalação também.

Somando-se que os jogos terrestres das equipes não estão lá grande coisa, a previsão é de muita bola voando, com vitória para…os Eagles, que devem ter melhor suporte corrido e uma defesa mais firme depois da decepção de perder para os Titans no último lance semana passada.

RAMS X SEAHAWKS

Embed from Getty Images

Wilson é elite? Que maldade. A verdade é que o time parou de ajudar o QB, e agora não tem muito suporte para que Russell Wilson consiga levar seu time adiante, ainda mais contra os Rams, de Jared God Goff e o rolo compressor que é seu ataque. Os Rams vão passar o carro sim e quem duvidar é clubista.

COWBOYS X TEXANS

Sunday Night Football vai ter os Cowboys de novo! Êêê…contra os Texans…êêê…talvez até por esta minha expectativa, o SNF nos surpreenda com um jogo franco de equipes que têm bons jogos corridos, mas Houston tem mais e melhores talentos no jogo aéreo.

O confronto é difícil de prever, mas vejo que DeShaun Watson tem mais chances de anotar uma vitória em casa contra os Cowboys e seus vários problemas, um deles o próprio desempenho de Dak Prescott sem o máximo que sua linha ofensiva pode oferecer, além da força do pass rush adversário.

REDSKINS X SAINTS

Embed from Getty Images

O Monday Night Football pode até ser um jogo feio, mas não faltarão bons atores para impedir que isso aconteça (não estou falando com você, Alex Smith). Os Redskins retornam de bye com um dos melhores jogos corridos da liga, e um corpo de recebedores razoável, ou seja, munição não falta para que Alex Smith mova as correntes pelo ar.

Mas eles enfrentam os Saints de Drew Brees que, nesta partida, vai se tornar o quarterback com mais jardas aéreas na história da liga, e nós veremos isso acontecer! A despeito de recordes, Brees cria bons recebedores e, quando os recebe prontos, eles explodem, como é o caso de Michael Thomas. Brees é escalação obrigatória, salvo por uma opção extremamente mais rentável na rodada (goff, goff).


Daqui a pouco tem jogo corrido e aéreo; não perca!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.