Fora do Pocket – Semana 11

em

Com certeza chegamos aqui acreditando que os melhores ataques da temporada são KC, LAR e NO. Considerando os resultados, vitórias x derrotas e o que fizeram em campo quando colocaram os seus times em posição extremamente favorável e com grandes chances na temporada, não há dúvidas que têm ataques eficientes e de grande qualidade. Mas, quando analisamos Fantasy, observamos que nem sempre o que se consegue em resultados é retrato fiel do que se tem em campo e principalmente, de jogador para jogador.

Considerando que toda situação de campo reflete uma expectativa de pontuação, o que significa considerar um time EFETIVO jogada a jogada? É aquele time que em cada bola lançada ou tentativa de carregada consegue terminar o lance de forma a conseguir um avanço ou pontuação necessária de forma mais eficaz e que lhe dê mais chance de evoluir melhor adiante, na partida.

Seu jogador no Fantasy, terá muito mais valor num time que tenha um ataque mais efetivo jogada a jogada, pois desta forma, a cada novo snap, terá mais chance de te entregar uma melhor pontuação. Analisando os times quanto à efetividade do ataque, o Ranking pode trazer até surpresas em algum momento. Vocês podem pensar: se estes ataques são tão efetivos, por que nem sempre estes times estão impecáveis quanto a suas atuações? Porque o resultado final de um jogo depende também de outros fatores que apenas a resolutividade de um ataque. Já ouviram a máxima “DEFESAS ganham campeonatos”? Só para citar um destes fatores. Então, vamos lá:

Melhores Ataques da Temporada

  1. Kansas City Chiefs
  2. Los Angeles Chargers
  3. New Orleans Saints
  4. New England Patriots
  5. Pittsburgh Steelers
  6. Los Angeles Rams
  7. Chicago Bears
  8. Green Bay Packers
  9. Carolina Panthers
  10. Indianápolis Colts

Primeira e mais importante observação é que estes dados não tratam jogadores específicos e suas performances, mas o quão efetivo um setor de ataque vem sendo para o time realizar jogadas ou não. Isso vai lhe ser útil para o Fantasy? Sim. Em ataques como estes, o valor de jogadores das referidas posições aumenta pela maior oferta do fator OPORTUNIDADE que, aliado ao VOLUME, traduz ferramenta das mais importantes para escalar seu time, tanto para a semana 11 quanto para o resto da temporada.

Ataques aéreos mais efetivos

  1. Kansas City Chiefs
  2. Los Angeles Chargers
  3. New Orleans Saints
  4. Pittsburgh Steelers
  5. Atlanta Falcons
  6. Los Angeles Rams
  7. New England Patriots
  8. Tampa Bay Buccaneers
  9. Indianapolis Colts
  10. Minnesota Vikings

Nomes como Tyreek Hill, Travis Kelce são unanimidades quanto ao jogo aéreo, assim como Michael Thomas, Antonio Brown, Julio Jones e os recebedores dos Rams. Todos nomes consolidados pela efetividade de seus jogos ofensivos. Você vai escalá-los com maior confiabilidade.

Na semana 11, a maior importância está em observar que jogadores como Chris Conley (por conta da lesão de Sammy Watkins), Calvin Ridley, Josh Reynolds e Tre’quan Smith se tornam opções mais confiáveis, pois a rodada apresenta confrontos com possibilidade de pontuação elevada e/ou as defesas contrárias têm sido menos eficientes contra o jogo aéreo.

Se eles terão melhores oportunidades que os principais recebedores depende muito da evolução de jogo, por quem serão marcados e por outros fatores impossíveis de controlar e que vão influenciar no fantasy sempre.

Ataques terrestres mais efetivos

  1. Los Angeles Chargers
  2. Green Bay Packers
  3. Carolina Panthers
  4. Dallas Cowboys
  5. New Orleans Saints
  6. Kansas City Chiefs
  7. Denver Broncos
  8. Seattle Seahawks
  9. New England Patriots
  10. Chicago Bears

Os ataques terrestres mais efetivos, ou seja, que contribuíram mais para a evolução do jogo de seus times, estão listadas acima e backfields que tenham nomes como Melvin Gordon, Alvin Kamara,  Ezekiel Elliott não são surpresa.

Mais surpresa há em o nome de Todd Gurley não figurar entre os 10, mas este dado, como salientei acima, não se refere a jogadores individuais, mas a como esta parte do jogo tem sido importante para a progressão do time. Gurley continua sendo o melhor corredor da liga, fiquem tranquilos!

Pontos a destacarmos aqui de mais importante seriam Aaron Jones, e observarmos o quanto um jogador, quando é melhor efetivamente, traduz para o fantasy a oportunidade em pontos.

Este ranking não se refere ao Green Bay Packers somente pelos últimos jogos, mas desde o início da temporada. A oportunidade estava ali, mas Jamaal Williams não chegou sequer perto de ser efetivo para seu owner no fantasy como tem sido Aaron Jones, mesmo com menos jogos na conta.

Tomando esta mesma análise, o que falar do ataque dos Broncos e o quanto tem sido beneficiado por Philip Lindsay?

Defesas e seus Apertos

Uma das formas mais interessantes e objetivas de analisar a força de uma defesa em um confronto direto é saber quantos pontos cedeu para as posições de ataque. Mas se formos tomar decisões diretas, apenas com estes dados, vamos estar ignorando que defesas podem ser boas contra recebedores no geral, mas cederem mais pontos contra determinado grupo de jogadores, não agravando a posição geral.

Por exemplo: Uma defesa pode ser mais forte contra bolas mais longas, mas ser vulnerável para as posições do slot, o que favoreceria tanto WRs que atuam nesta região do campo quanto TEs e RBs que recebem lançamentos. Na prática, não é uma transferência literal e temos grupos de defesas mais vulneráveis a posições específicas e que devem ser abordadas.

Running Backs Recebedores

 Esta semana o jogo de Lindsay é contra os Chargers, que têm sido a defesa menos combativa aos RBs que recebem bolas, o que o torna uma boa aposta, mesmo considerando que os Broncos devam permanecer atrás do placar durante o jogo. Grande aposta como RB2.

Dion Lewis tem se destacado cada vez mais como o principal corredor do time dos Titans. Derrick Henry foi uma promessa que não vingou até hoje. Como dupla arma, Lewis já vem sendo bastante acionado, o jogo que vem é um bom plus nas chances de retorno e é uma boa aposta como RB2.

Tight Ends

C.J. Uzomah tem sido aquela boa promessa de TE que tem te entregado um teto baixo. Essa semana a promessa é a mesma; ainda temos que ver se os Bengals se recuperaram da pancada que tomaram dos Saints. Em liga standard, baixo valor; PPR um pouco melhor, mas ainda não seria minha primeira aposta.

Daqui até o fim da temporada regular (ou seja, desta temporada, pelo menos para os Giants), esta é a melhor semana para apostar em Evan Engram. É o Bucs desmantelando e mais fraco em defender contra a posição. Só temos que ver quem desmantela antes, se Tampa ou o Eli Manning.

É, a defesa de Tennessee é forte contra TE, mas também é uma das mais fracas quando se trata de WR. Jack Doyle voltou, tem mais participação no time e, como recebedor, tem mais chance contra os Titans. Temos que lembrar que é assim que Doyle funciona e que Luck adora seus TE.

Ele ainda vai ter que sobrepujar a inclinação de Eric Ebron para TDs, mas vai ter uma semana em que Doyle sairá melhor. O maior volume leva isto a uma questão de tempo. Em um jogo que promete boa muitos pontos, Doyle é uma opção razoável para considerá-lo um bom partido.

Wide Receivers

Golden Tate fez uma estreia bem decepcionante para quem esperava uma chegada impactante. Mas se vinha fazendo o que já estávamos vendo com o ataque de Detroit. Só temos a esperar que, após a adaptação, sua presença naquele slot seja bem impactante. Pode ser que este jogo já seja bem diferente; os Saints sempre são um prato cheio para o jogo aéreo adversário.

Por outro lado, a lesão de Marvin Jones abre possibilidades ainda maiores para T.J. Jones, Bruce Ellington e Brandon Powell mostrarem alguma utilidade. Para quem tem Kenny Golladay, a semana promete volume e consequentemente melhores possibilidades. Além disso é apostar em Theo Riddick recebendo passes, com baixo teto e nada de muito atrativo. Se Stafford não acordar, vai ser difícil acreditar.

Finalmente chegou a hora de falar de Larry Fitzgerald com mais otimismo nestas colunas. Também, contra Oakland até Ricky Seals-Jones pode se tornar uma aposta viável na semana. nesta semana dá para pensar em uma evolução um pouquinho melhor para Fitz e para Kirk.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.