Crônicas dos Confrontos – Semana 15 – Chiefs x Chargers

E aí, turma! Após uma rodada cheia de grandes jogos, iniciamos a semana 15 com um confronto que tem tudo para manter o alto nível e a competitividade das partidas do último domingo, já que os Chiefs (11-2) encaram os Chargers (10-3), num duelo que pode definir ou bagunçar os rumos da AFC West. Em termos de fantasy, várias são as opções da partida e a crônica desse TNF chegou para te ajudar na tomada de decisão. Preparados? É jogão, é mata-mata de fantasy, é emoção!

QUARTERBACKS

Vai ser maravilhoso assistir o confronto entre dois dos melhores QBs da temporada. De um lado, Patrick Mahomes é, possivelmente, a melhor opção de quarterback da semana. O candidato ao prêmio de MVP da liga não cansa de dar show e essa performance se estende ao fantasy, independente do bom trabalho realizado pela defesa dos Chargers contra QBs.

O desafiante aqui é o veterano Philip Rivers, um dos melhores quarterbacks do ano na liga e, consequentemente, do fantasy. Rivers tem um ótimo piso e um teto que poderá ser atingido contra uma das defesas que mais cede pontos aos QBs (+20 pts/jogo).

JOGO CORRIDO

Desde que virou titular, Spencer Ware vem sendo competente no comando do backfield dos Chiefs, entregando +10 pontos nas duas semanas em que dominou as tentativas. Entretanto, ele é dúvida para o jogo, o que deve abrir espaço para Damien Williams (RB2), que já foi bem na semana passada com 2 TDs e deve ver seu volume crescer consideravelmente nessa quinta. Confirmada a ausência de Ware, Williams consolida-se como um RB2 em ligas maiores e um flex com upside nas menores.

Nos Chargers, a situação também não é confortável já que Melvin Gordon, um dos melhores RBs da liga, está listado como questionável para o jogo. Caso fique de fora, você pode escalar Justin Jackson (RB2) com muitas esperanças, já que a defesa dos Chiefs é a 2a que mais permite pontos aos corredores adversários. Caso Gordon jogue, cuidado com as expectativas diante de um jogador que deve ter menos toques na bola do que o normal. Obs: o RB Austin Ekeler está fora da partida, o que consolida Jackson como uma ótima aposta.

JOGO AÉREO

Quem estiver preocupado com Tyreek Hill (WR1), pode ficar tranquilo! O WR principal de Mahomes vai para o jogo e é excelente opção, assim como o TE Travis Kelce, jogador absolutamente confiável na posição. Ainda nos Chiefs, a ausência de Sammy Watkins gabarita Chris Conley (flex) como uma opção interessante, pensando principalmente nas oportunidades de touchdown.

Quem tem uma estrada de alguns anos jogando fantasy sabe que, ano após ano, Keenan Allen (WR1) cresce na segunda metade da temporada regular, ajudando demais os que tiverem paciência com o jogador. Nesse ano, a situação se repetiu e Allen é uma grande arma de fantasy nesse momento de playoffs das ligas.

Ainda nos Chargers, Mike Williams (flex) é um alvo para TDs e terá boas chances para isso diante da defesa dos Chiefs, assim como Tyrell Williams (flex 14+), apesar do lembrete de que ele é dependente de big plays para ir bem. E o TE Antonio Gates? Bom, certamente ele dependerá de um TD para ser relevante e aí vai depender das suas alternativas.

A semana é decisiva e você não pode vacilar! Estude, analise, use a razão/estatisticas e o feeling para tomar melhores decisões e chegar nas finais das suas ligas. Se precisar de ajuda, mande uma mensagem para o BrFF em qualquer rede social em que estamos presentes, será um prazer te ajudar! Ficamos por aqui, boa sorte e forte abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.