Dê um Sack: O Pior Ataque É A Melhor Defesa

É tentador no dia do Draft quando estamos na 8ª ou 9ª rodada e já escolhemos, senão todos, a maioria dos nossos titulares e lá está ela, a defesa que foi a líder em pontuação na temporada anterior. Pensamos que vamos ganhar uma vantagem toda rodada sobre nosso adversário por conta dela, ou também o contrário: que nosso oponente teria uma vantagem sobre nós. Mas não é bem isso que acontece e aqui vão alguns números pra corroborar essa questão.

Vejamos a defesa do Jacksonville Jaguars, cuja pontuação foi a maior no ano de 2017. No ano anterior (2016) ela foi a 27ª maior pontuadora, ou seja, a 4ª com menos pontos na temporada, em 2017 ela foi a líder como dito antes e na temporada passada, 2018, ela caiu novamente ficando em 14º na pontuação geral.

Fazendo uma retrospectiva com todos os líderes de cada temporada com sua pontuação anterior e posterior a melhor campanha.

LiderAnoPosição anteriorPosição posterior
Kansas City Chiefs20132718
Philadelphia Eagles20141112
Arizona Cardinals201556
Philadelphia Eagles2016124
Jacksonville Jaguars20172714
Chicago Bears201810??

Fonte: https://www.fantasypros.com/nfl/reports/leaders/dst.php?year=2018&start=1&end=16

Analisando a tabela, vemos que, das últimas 5 melhores defesas (ainda não temos o resultado desse ano de Chicago), apenas duas conseguiram retornar ao top-10 no ano seguinte e que duas das seis estiveram no top-10 no ano anterior. Daí podemos concluir o quão difícil é prever e repetir a melhor campanha.

“Tudo bem! Não vou pegar uma defesa cedo, mas não posso deixar passar as melhores defesas, certo?” Você pode ter pensado, então vamos olhar alguns dados do ano passado.

O Top 5 das defesas no Fantasy ano passado foi o seguinte:


TimePts/jogo
1Chicago Bears12.2
2Los Angeles Rams8.7
3Houston Texans8.7
4Minnesota Vikings8.3
5Baltimore Ravens8.0

Agora vamos olhar as 8 maiores pontuação cedida pelos ataques às defesas do fantasy:


TimePts/jogo
1Buffalo Bills11.5
2Arizona Cardinals11.3
3Jacksonville Jaguars9.7
4Tampa Bay Buccaneers9.3
5San Francisco 49ers9.0
6Oakland Raiders8.5
7Miami Dolphins8.2
8Minnesota Vikings8.1

Pegando as duas tabelas e formando um top-5, teríamos a defesas de Chicago em primeiro e na sequência 4 defesas “imaginárias” que enfrentaram Bills, Cardinals, Jaguars e Bucs, respectivamente. Isso confirma uma teoria que já foi comprovada com outros dados analíticos: no Fantasy, melhor que ter uma defesa boa é enfrentar um ataque fraco. Ao contrário das outras posições do Fantasy, a pontuação da defesa é produzida pelo jogador adversário, como numa interceptação num passe dado pelo QB, ou num Fumble, enquanto se perde ponto a medida que o ataque adversário pontua.

Por isso a estratégia do streaming de defesa é muito utilizada no Fantasy e obtém melhores resultados que uma única defesa por toda a temporada, além de ter custo de draft zero e não forçar um manager a carregar duas defesas em semanas de bye, por exemplo. É nisso que a coluna se propõe a ajudar semanalmente você.

Mas só fala isso agora que o meu Draft passou?

Sim, isso foi uma falha mesmo, mas se sua defesa não tiver um bom rendimento e você quiser chutá-la, vem pegar umas dicas. Ou pelo menos no bye da sua defesa principal você pode vir aqui.

Os parâmetros da coluna

Para a defesa ser candidata a entrar na coluna ela tem de estar livre na maioria das ligas, portanto vou sempre olhar a % de ownership (presença em times nas ligas) no site FantasyPros e ela não pode ser maior que 50%. 

Toda semana vou colocar aqui 5 defesas que considero serem as melhores opções e, dentre elas, dar a opção da semana e acompanhar como ela se sairá e, no decorrer do ano, como as escolhidas se saíram.

Stream da Semana: Ravens (livre em 53% / @Dolphins)

Os Ravens perderam algumas peças nessa offseason, mas nunca duvide da defesa de Baltimore, por isso temos que aproveitar enquanto ela ainda poder ser pega no waiver, por conta dessa descrença. E não pode existir melhor hora pra usá-la do que na rodada que ela enfrenta talvez um dos piores ataques da liga. A linha ofensiva, que segundo o site Pro Football Focus é a pior da liga,  acabou de perder sua melhor peça, o LT Tunsil, numa troca que também envolveu o WR Kenny Stills, tornando assim o ataque dos Dolphins talvez o pior da liga. Tem como QB Ryan Fiztpatrick, que pode ter seu dia de FitzMagic, mas na atual circunstância acredito mais na aparição de versão mais amiga das defesas, FitzTragic, então podemos esperar muitos Turnovers e poucos pontos de Miami.

Seahawks (livre em 94% das ligas / vs Bengals)

Seattle recebe os Bengals que terão que viajar mais de 3000km, o que é sempre bom para a defesa. Clowney deve jogar poucos snaps se entrar em campo, o que não impede o time de conseguir massacrar Dalton que tem na sua frente uma linha ofensiva que está facilmente entre as piores da liga (27ª para o PFF) e, pra piorar, AJ Green estará fora. Não há nada melhor que uma linha ofensiva fraca, o principal recebedor de um time fora e um QB mediano (Andy Dalton) ainda se adaptando a um novo esquema ofensivo totalmente diferente do modelo arcaico do Marvin Lewis. Espere muita pressão no QB e péssimas decisões do mesmo.

Cowboys (livre em 74% / vs Giants)

A defesa de Dallas pode não ser a escolhida da semana, mas é a que eu estou priorizando nos meus drafts, por conta de seus 3 primeiros confrontos (vs Giants / @ Redskins / vs Dolphins), portanto se, assim como eu, você quiser se adiantar aos concorrentes fica aí a dica. Agora voltando a semana 1, Os Cowboys recebem os Giants um confronto de divisão, onde os times se conhecem muito bem, proporcionando alguns TOs.

A defesa cresceu muito no decorrer do ano passado e tem tudo pra ser uma das melhores nesse ano. Do outro lado, os Giants perderam apenas Odell Beckham e estará sem seu substituto Golden Tate, além de Sterling Shepard estar voltando de lesão na mão, algo que os receivers têm que usar de vez em quando. Ter Eli Manning como QB adversário também sempre ajuda, já que ele é sempre propício a lapsos e múltiplas interceptações. Saquon Barkley não deverá ser capaz de correr com o time nas costas.

Lions (livre em 97% / @ Cardinals)

Apesar de ter uma longa viagem pela frente, os Lions se tornam uma opção viável por enfrentarem duas coisas que produzem muitos pontos para uma defesa, uma péssima linha ofensiva e um QB calouro. A OL dos Cardinals é a terceira pior segundo o PFF e mostrou isso na pré-temporada, deve ceder muitos QB hits e sacks no calouro Kyler Murray, o que pode levar a TOs. 

Broncos (livre em 52% / @ Raiders)

Denver promete ter uma das melhores defesas da temporada com uma esperada evolução do segundanista Bradley Chubb ao lado de Von Miller numa linha defensiva que promete. Isso associado a chegada de Vic Fangio como HC do time, depois de atuar como coordenador defensivo dos Bears gera medo em qualquer ataque. Uma linha defensiva que consegue pressionar o QB enfrentando a 26ª OL da liga é um prato cheio.


Boa Sorte na sua primeira semana e espero que minhas dicas ajudem. Se nenhuma dessas defesas estiverem livres em sua liga e você quiser ajuda pra fazer sua escolha é fácil. Só entrar em contato pelo meu Twitter, do BrFF ou deixar um comentário aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.