Crônicas dos Confrontos – Semana 12 – Jogo Corrido

Introdução

Denver Broncos x Buffalo Bills

Jogo entre boas defesas, mas que pode render bons frutos aos líderes de backfield, tanto Phillip Lindsay quanto Devin Singletary (ambos RB2). Royce Freeman e Frank Gore possuem teto bem limitado pelo volume e pelo confronto, embora ainda seja possível ver o veterano dos Bills dividindo carregadas com Singletary, mas sem tanto retorno de fantasy.

Tampa Bay Buccaneers x Atlanta Falcons

Enquanto Devonta Freeman seguir fora de combate, Brian Hill e Qadree Ollison farão o seu melhor pelo backfield dos Falcons, mas não espero muita vantagem contra uma das melhores defesas contra o jogo corrido.

Pelo histórico completo, Ronald Jones possui teto de RB1, mas Atlanta melhorou consideravelmente sua defesa, o que nos faz dar nota de RB2 a ele. Peyton Barber basicamente perdeu a vez e até o calouro Dare Ogunbowale (flex em ligas profundas) está superando-o em toques na bola.

Detroit Lions x Washington Redskins

A expectativa sobre Bo Scarbrough (RB1) é alta depois de um bom jogo contra os Cowboys, ainda mais quando os adversários são os sofríveis Redskins. Na rebarba do volume de Detroit, está JD McKissic (flex ligas 14+).

Em Washington, Adrian Peterson e Chris Thompson não estão 100%, o que abre possibilidades a Derrius Guice (RB2) explorar uma defesa que cede muitos pontos ao líder de backfield adversário.

Seattle Seahawks x Philadelphia Eagles

Este é um jogo que promete mais volume nos passes que nas corridas, portanto Chris Carson (RB2) e Miles Sanders (RB2, aproveitando a provável ausência de Jordan Howard) não terão bom teto, mas algum piso. Rashaad Penny e Boston Scott dependem de recepções (PPR) e TDs para ter algum valor.

Oakland Raiders x New York Jets

Outra promessa de jogo aéreo nos espera aqui, mas sempre espero o melhor de Josh Jacobs (RB2) no seu belo ano de calouro. Quanto ao Le’Veon Bell (RB2), a missão é mais complicada, embora seu talento possa achar espaços na defesa dos Raiders.

Carolina Panthers x New Orleans Saints

Sobre Christian McCaffrey (flex), o que posso dizer é: se escalar contra os Saints, não espere muito, mas se não escalar é ainda pior!

Alvin Kamara (RB1) voltou sem a mesma consistência de antes, mas enfrenta os Panthers e isso é terreno fértil para uma boa atuação. Latavius Murray dificilmente não será destaque se não lhe sobrar uma carregada nas últimas 10 jardas de campo.

Miami Dolphins x Cleveland Browns

Jogo interessante para ambos os running backs principais de seus times: Nick Chubb (RB1) é escalação obrigatória, e Kalen Ballage (flex) é relevante pelo volume que o aguarda, além do confronto favorável. Kareem Hunt (flex) deve dar apoio nas jogadas de passe, portanto seu valor é maior em ligas PPR.

Pittsburgh Steelers x Cincinnati Bengals

Sem James Conner, os favoritos Steelers vão pra cima dos Bengals com o comitê formado por Jaylen Samuels (RB2) e Benny Snell (flex).

Para Joe Mixon (flex), o volume é certo mas o valor é baixo.

New York Giants x Chicago Bears

Giants e Bears estão longe dos playoffs, mas querem vencer. Mas a vantagem nas corridas deve ir para Chicago e David Montgomery (RB1), que têm tudo para ir bem nas trincheiras. Tarik Cohen (flex) será muito útil se sua liga é PPR.

Saquon Barkley (RB1) é aquela escalação obrigatória e o jogo é favorável, ainda mais quando faltam alvos a Daniel Jones.

Jacksonville Jaguars x Tennessee Titans

Em mais um confronto aéreo, o consistente Derrick Henry e o nem tanto Leonard Fournette (ambos RB2 com teto alto) muito provavelmente serão coadjuvantes se não anotarem TD. Dion Lewis e Ryquell Armstead são nomes de risco para ligas profundas.

Dallas Cowboys x New England Patriots

Se você tem Ezekiel Elliott (flex), não crie expectativas pois New England é uma das defesas mais pesadas contra RBs adversários.

Já para Sony Michel (RB1) as perspectivas são bem melhores, e se você soube do retorno do offensive lineman Isaiah Wynn com certeza está mais confiante ainda em escalar o RB dos Patriots. James White é sempre um bom nome para ligas (half) PPR.

Green Bay Packers x San Francisco 49ers

Assim como será Zeke contra os Patriots, serão Aaron Jones (flex) e Jamaal Williams contra os 49ers.

Tevin Coleman (RB1), no entanto, enfrenta uma das piores defesas para segurar running backs. Como torcedor dos Packers, recomendo a escalação.

Baltimore Ravens x Los Angeles Rams

Fechando a rodada, Mark Ingram (RB2) dos Ravens e Todd Gurley (RB2) dos Rams prometem boas partidas como pontos focais de seus respectivos ataques.

No entanto o teto de Ingram esbarra no talento de seu QB, Lamar Jackson, que vem correndo mais e melhor que muitos RBs da liga.

Outros nomes da partida, pra variar, dependem de TDs para ter relevância.

É isso aí, pessoal! Confiram também as crônicas de qbs e jogo aéreo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.