Situação dos times após o Draft – NFC South

Existem talentos escondidos em Carolina, Atlanta, Tampa e New Orleans? Confira aqui.

Carolina Panthers

Tennessee Titans v Carolina Panthers : Foto jornalística
Christian McCaffrey on November 03, 2019 in Charlotte, North Carolina. (Photo by Jacob Kupferman/Getty Images

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

Teddy Bridgewater, QB

Robby Anderson, WR

Seth Roberts, WR

Pharoh Cooper, WR

Saíram

Cam Newton, QB

Kyle Allen, QB

Greg Olsen, TE

Renovaram

Christian McCaffrey, RB

Reggie Bonnafon, RB

DeAndrew White, WR

Correndo com a Bola

O time tem o 14º ataque terrestre com 1819 jardas. Destaque honroso a Christian McCaffrey com 1387 jardas corridas para 15 touchdowns. Além disso o jogador ainda foi alvo 142 vezes no jogo aéreo com 1005 jardas e 4 touchdowns, somando 355,2 pontos no Fantasy.

Passando a Bola

Carolina teve o 20º ataque passando a bola com 3650 jardas. A maior parte dessa produção se deve ao Kyle Allen, jogador agora de Washington. Ele teve 3322 jardas aéreas para 17 touchdowns e 16 interceptações (em 13 partidas). O jogador ainda teve 106 jardas terrestres para 2 touchdowns, somando 177,5 pontos.

Cam Newton, nova aquisição de New England, atuou em apenas 2 partidas. Foram 572 jardas e 1 interceptação.

O recém contratado Teddy Bridgewater vem de New Orleans para assumir a titularidade de quarterback da equipe (continue lendo para acompanhar suas estatísticas).

Recebendo passes

Os Panthers foram o 10º ataque em jardas recebidas (4134). D. J. Moore foi o maior produtor do corpo de WR: foi alvo 135 vezes para 87 recepções, alcançando 1175 jardas, 4 touchdowns e 143,7 pontos. Curtis Samuel foi alvo 105 vezes para 54 recepções, totalizando 627 jardas, 6 touchdowns e 117,7 pontos.

Robby Anderson chega de New York para ser titular do lado direito do campo. Em 2019 foi alvo 96 vezes, obtendo 52 recepções para 779 jardas, 5 touchdowns e 110,3 pontos.

Em relação ao corpo de TE, Greg Olsen foi uma perda importante para a equipe. O jogador foi alvo 82 vezes do ataque, conquistando 52 recepções para 597 jardas, 2 touchdowns e 71,7 pontos. Quem assume sua vaga é Chris Manhertz que em 2019 não teve produção significativa.

Valor de Fantasy

Christian McCaffrey: RB1 (round1)

Teddy Bridgewater: QB 3 (round 15)

D. J. Moore: WR2 (round 3)

Curtis Samuel: WR5 (round 12)

Robby Anderson: WR5 (round 12)

Chris Manhertz: TE8 (não draftado)

Atlanta Falcons

Tampa Bay Buccaneers v Atlanta Falcons : Foto jornalística
Matt Ryan #2 on November 24, 2019 in Atlanta, Georgia. (Photo by Kevin C. Cox/Getty Images)

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

Todd Gurley, RB

Laquon Treadwell, WR

Hayden Hurst, TE

Saíram

Devonta Freeman, RB

Austin Hooper, TE

Renovaram

Brian Hill, RB

Correndo com a Bola

O 3º pior ataque terrestre é o de Atlanta com 1361 jardas. Devonta Freeman, dispensado pelo time, teve a melhor produção do setor com 656 jardas e 2 touchdowns. O jogador ainda foi alvo aéreo 70 vezes para 59 recepções, totalizando 410 jardas e 138,6 pontos. Brian Hill, renovação da equipe, teve 323 jardas para 2 touchdowns, totalizando 57,2 pontos.

Todd Gurley, antes jogador dos Rams, vem para Atlanta assumindo a posição de RB titular. Em 2019 foram 857 jardas para 12 touchdowns. O jogador ainda foi alvo 49 vezes do jogo terrestre, completando 31 recepções para 207 jardas e 2 touchdowns. Totalizou 188, 4 pontos.

Passando a Bola

Em contrapartida, o 3º melhor ataque aéreo com 4714 jardas mora em Atlanta. O quarterback titular da equipe, Matt Ryan, lançou 4466 jardas, 26 touchdowns e 14 interceptações, totalizando 267,3 pontos.

Recebendo passes

O time tem o 2º melhor ataque recebendo passes, 5049 jardas. Julio Jones sem dúvidas é um grande destaque no setor. Ele foi alvo 157 vezes, completando 99 recepções para 1394 jardas, 6 touchdowns e 175,1 pontos. Calvin Ridley também teve produção, recebeu 63 de 93 passes, totalizando 866 jardas e 134 pontos.

Russel Gage foi o 3º maior produtor do setor, embora tenha sido alvo 74 vezes e recebido 49 passes, totalizando 446 jardas, 1 touchdown e 49,8 pontos. Laquon Treadwell foi contratado para rotacionar no setor. Em 2019 em Minnesota foi pouco utilizado, sendo alvo apenas 16 vezes.

Uma grande perda para o time foi o TE Austin Hooper. O jogador recebeu 75 de 97 passes, completando 787 jardas, 6 touchdowns e 116,7 pontos. Para o seu lugar foi trazido Hayden Hurst, que era TE2 em Baltimore. Recebeu 30 de 39 passes, conquistando 349 jardas, 2 touchdowns e 46,9 pontos.

Valor de Fantasy

Matt Ryan: QB1 (round 7)

Todd Gurley: RB2 (round 3)

Brian Hill: RB7 (não draftado)

Julio Jones: WR1 (round 1)

Calvin Ridley: WR2 (round 4)

Russel Gage: WR8 (não draftado)

Laquon Treadwell: WR (não draftado)

Hayden Hurst: TE1 (round 10)

Tampa Bay Buccaneers

Tom Brady posa pela primeira vez com o novo uniforme dos Buccaneers
Tom Brady em seu novo uniforme. Foto via @Buccaneers

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

Tom Brady, QB

Rob Gronkowsky, TE

Tyler Johnson, WR

Ke’Shawn Vaughn, RB

Saíram

Jameis Winston, QB

Peyton Barber, RB

Breshad Perriman, WR

Renovaram

N/A

Correndo com a Bola

O ataque terrestre de Tampa foi o 24º colocado com 1521 jardas. Destaque para Ronald Jones II que teve 724 jardas e 6 touchdowns, somando 135,3 pontos. Peyton Barber, que deixou a equipe, teve 470 jardas para 6 touchdowns e 100,5 pontos.

Para ocupar o lugar de Barber, foi draftado o calouro Ke’Shawn Vaughn. Em sua última temporada por Vanderbilt foram 1028 jardas e 9 touchdowns terrestres, além de 270 jardas e 1 touchdown recebendo passes.

Passando a Bola

Em contrapartida, o melhor ataque aéreo foi o de Tampa com 4845 jardas. Jameis Winston lançou 5109 jardas, 33 touchdowns e 30 interceptações. Mais 250 jardas terrestres e 1 touchdown, o jogador teve marca 305,4 no Fantasy.

Com a sua saída, Tom Brady chega para assumir a vaga de starter. Ainda como jogador de New England, lançou 4057 jardas, 24 touchdowns e 8 interceptações. Ainda contando seus 3 touchdowns terrestres, o jogador obteve 263,7 pontos.

Recebendo passes

Tampa também teve o melhor ataque recebendo passes com 5127 jardas. Isso se deve, com destaque honroso, a dupla de WR Chris Godwin e Mike Evans. Godwin recebeu 86 de 121 passes, anotando 1333 jardas, 9 touchdowns e 190,1 pontos. Enquanto isso, Evans recebeu 67 de 118 passes, anotando 1157 jardas, 8 touchdowns e 165,7 pontos.

Breshad Perriman, que está entre as baixas do time, recebeu 36/69 passes, anotando 645 jardas e 6 touchdowns. O calouro Tyler Johnson chega para ocupar essa vaga. Em sua última temporada no College, teve 86 jardas para 1318 jardas e 13 touchdowns.

Quando o assunto é o corpo de TE, o time teve em 2019 Cameron Brate (311 jardas, 4 touchdowns e 55,1 pontos) e O.J. Howard (459 jardas, 1 touchdown e 49,9 pontos). Rob Gronkowsky, que interrompeu a aposentadoria para jogar por Tampa, assumirá a vaga de titular da posição e formará dupla com Howard para 2020.

Valor de Fantasy

Tom Brady: QB1 (round 8)

Ronald Jones II: RB3 (round 8)

Ke’Shawn Vaughn: RB3 (round 8)

Chris Godwin: WR1 (round 2)

Mike Evans: WR1 (round 2)

Tyler Johnson: WR10 (não draftado)

Rob Gronkowsky: TE1 (round 9)

O.J. Howard: TE3 (não draftado)

New Orleans Saints

Tampa Bay Buccaneers v New Orleans Saints : Foto jornalística
Michael Thomas (Photo by Chris Graythen/Getty Images)

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

Jameis Winston, QB

Emmanuel Sanders, WR

Saíram

Teddy Bridgewater, QB

Ted Ginn Jr., WR

Renovaram

Drew Brees, QB

Taysom Hill, QB

Correndo com a Bola

New Orleans teve o 16º ataque terrestre com 1738 jardas. Para essa produção o time utilizou a dupla de RB: Alvin Kamara e Latavius Murray. Kamara teve 797 jardas e 5 touchdowns que, somando-se a 533 jardas recebendo e 1 touchdown, totalizaram 167,5 pontos. Já Murray correu 637 jardas e 5 touchdowns, além de 235 jardas recebidas e 1 touchdown, somando 123,2 pontos.

Passando a Bola

Quando o assunto é jogo aéreo, os Saints tiveram o 7º ataque da liga com 4244 jardas. Drew Brees, titular da equipe, atuou em 11 partidas, lançou 2979 jardas, 27 touchdowns e 4 interceptações, atingindo assim 224,8 pontos.

Por conta de uma lesão de Brees, as demais 5 partidas da temporada tiveram Teddy Bridgewater como quarterback. O jogador, agora titular de Carolina, lançou 1384 jardas, 9 touchdowns e 2 interceptações, totalizando 90,5 pontos.

Jameis Winston chega a equipe para a vaga de backup, possibilitando que Taysom Hill continue participando da equipe em trick plays.

Recebendo passes

O time também tem o 7º ataque recebendo passes com 4431 jardas. Sem dúvidas o nome mais notável do setor foi Michael Thomas, eleito jogador ofensivo do ano. Recebeu 149 de 185 passes, totalizando 1725 jardas, 9 touchdowns e 225,6 pontos.

O WR responsável pela outra parte do campo foi Ted Ginn Jr, que alcançou 421 jardas, 2 touchdowns e 55,9 pontos. Com sua saída do elenco, Emmanuel Sanders vem para ocupar esse espaço. Em 2019 recebeu 66 de 97 passes para 869 jardas, 5 touchdowns e 51,1 pontos.

Taysom Hill, jogador versátil na equipe, recebeu 19 de 22 passes, totalizando 234 jardas e 6 touchdowns. Ainda com a contribuição de 156 jardas terrestres e 1 touchdown, o jogador totalizou 83,2 pontos. O TE Jared Cook foi alvo 65 vezes, recebendo 43 passes para 705 jardas, 9 touchdowns e 124,5 pontos.

Valor de Fantasy

Alvin Kamara: RB1 (round 1)

Latavius Murray: RB4 (round 10)

Drew Brees: QB1 (round 8)

Jameis Winston: QB3 (não draftado)

Taysom Hill: QB/TE (não draftado)

Michael Thomas: WR1 (round 1)

Emmanuel Sanders: WR4 (round 9)

Jared Cook: TE1 (round 8)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.