Situação dos times após o Draft – AFC South

Existem talentos escondidos em Jacksonville, Indianapolis, Houston e Tennessee?

Jacksonville Jaguars

Dustin Bradford/Getty Images

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

Chris Thompson, RB

Laviska Shenault Jr., WR

Collin Johnson, WR

Tyler Eifert, TE

Saíram

N/A

Renovaram

Keelan Cole, WR

Correndo com a Bola

O time teve o 17º ataque terrestre, com 1708 jardas. Destaque, mais que merecido, para Leonard Fournette. O jogador correu 1152 jardas e 3 touchdowns, além de receber 76 passes para 552 jardas, totalizando 183,4 pontos no Fantasy.

Chris Thompson chegou para ocupar a vaga de RB2 da equipe. Em seu último ano por Washington foram apenas 138 jardas terrestres e 378 jardas recebidas.

Passando a Bola

A equipe teve o 16º ataque lançando, com 3760 jardas. Gardner Minshew II atuou em 14 partidas (12 como starter) em seu ano como calouro. O quarterback lançou 3271 jardas, 21 touchdowns e apenas 6 interceptações. Somando com suas 344 jardas terrestres, ele totalizou 229,2 pontos e já é o principal QB da equipe.

Recebendo passes

Jacksonville foi o 18º ataque recebendo passes, com 4023 jardas. O melhor recebedor da equipe foi DJ Chark, que recebeu 73/118 passes para 1008 jardas e 8 touchdowns, somando 152,8 pontos.

Completando o corpo principal de wide receiver: Chris Conley e Dede Westbrook. Conley recebeu 47/90 passes para 775 jardas, 5 touchdowns e 109,5 pontos. Westbrook recebeu 66/101 passes para 660 jardas, 3 touchdowns e 90,7 pontos.

Além disso, a equipe tem Keelan Cole, que recebeu 24/35 jardas para 361 jardas, 3 touchdowns e 54,7 pontos. Dois reforços para o setor chegaram pelo draft: Laviska Shenault Jr. (764 jardas terrestres e 4 touchdowns + 161 jardas aéreas e 2 touchdowns) e Collin Johnson – 559 jardas e 3 touchdowns.

Os TE fecham o ataque. James O’Shaughnessy recebeu apenas 14 passes para 153 jardas e 2 touchdowns. O recém chegado, Tyler Eifert, recebeu em seu último ano por Cincinnati, 43/63 passes para 436 jardas e 3 touchdowns.

Valor de Fantasy

Gardner Minshew II: QB2 (round 12)

Leonard Fournette: RB2 (round 4)

Chris Thompson: RB6 (não draftado)

DJ Chark: WR2 (round 5)

Dede Westbrook: WR7 (não draftado)

Laviska Shenault Jr.: WR6 (não draftado)

Tyler Eifert: TE3 (não draftado)

Indianapolis Colts

Atlanta Falcons v Indianapolis Colts : Foto jornalística
Foto: Bobby Ellis/Getty Images

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

Philip Rivers, QB

Michael Pittman Jr., WR

Jonathan Taylor, RB

Trey Burton, TE

Saíram

Eric Ebron, TE

Renovaram

Zach Pascal, WR

Correndo com a Bola

O time teve o 7º melhor ataque terrestre, com 2130 jardas. Destaque honroso ao running back Marlon Mack – que correu 1091 jardas e 8 touchdowns, somando 167,3 pontos.

O calouro Jonathan Taylor chega à equipe para ser o RB2 com grandes chances de assumir o backfield este ano. Em seu último ano por Wisconsin, o jogador correu 2003 jardas e 21 touchdowns, além de 252 jardas recebidas e 5 touchdowns.

Passando a Bola

O 3º pior ataque lançando foi o de Indianapolis, com 3108 jardas. Jacoby Brissett lançou 2942 jardas, 21 touchdowns e apenas 6 interceptações – totalizando 216,7 pontos. Para essa temporada, Brissett será backup.

Philip Rivers foi contratado para assumir a vaga de starter. Na temporada de 2019, ainda como jogador do Chargers, foram 4615 jardas lançadas, 23 touchdowns e 20 interceptações, somando 235,5 pontos.

Recebendo passes

O Colts também foi o 3º pior ataque recebendo, com 3314 jardas. Zach Pascal foi o maior produtor, recebendo 41/72 passes para 607 jardas, 5 touchdowns e 94,3 pontos. T.Y. Hilton não fica muito atrás: o jogador recebeu 45/68 passes para 501 jardas, 5 touchdowns e 80,1 pontos.

O calouro, Michael Pittman Jr., chega como reforço ao corpo de WR e será uma peça importante no renovado ataque. Em seu último ano no College, o jogador recebeu 101 passes para 1275 jardas e 11 touchdowns.

Quando o assunto é TE, Jack Doyle recebeu 43/72 passes, completando 448 jardas, 4 touchdowns e 68,8 pontos. O recém chegado, Trey Burton, recebeu 14/24 passes para apenas 84 jardas – ainda como jogador de Chicago.

Valor de Fantasy

Philip Rivers: QB2 (round 13)

Marlon Mack: RB3 (round 8)

Jonathan Taylor: RB2 (round 4)

Zach Pascal: WR8 (não draftado)

T.Y. Hilton: WR3 (round 5)

Michael Pittman Jr.: WR6 (round 15)

Jack Doyle: TE2 (round 13)

Houston Texans

Jack Thomas/Getty Images

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

David Johnson, RB

Brandin Cooks, WR

Randall Cobb, WR

Saíram

Carlos Hyde, RB

DeAndre Hopkins, WR

Renovaram

Darren Fells, TE

Correndo com a Bola

O time teve o 9º melhor ataque terrestre, com 2009 jardas. Destaque merecido ao Carlos Hyde, que correu 1070 jardas e 6 touchdowns – somando 143,2 pontos. Com a saída de Hyde, o time apostou na contratação de David Johnson – que correu apenas 345 jardas e 2 touchdowns em seu último ano por Arizona.

Para completar o corpo de running backs, o time conta com Duke Johnson. Na última temporada, ele correu 410 jardas e 2 touchdowns. Além disso, o jogador recebeu 44/62 passes para 410 jardas e 3 touchdowns, totalizando 110 pontos.

Passando a Bola

Houston foi o 15º ataque lançando, com 3783 jardas. Deshaun Watson lançou 3852 jardas, 26 touchdowns e 12 interceptações. Ele também correu 413 jardas, anotando mais 7 touchdowns e 320 pontos no Fantasy.

Recebendo passes

O Texans foi o 14º ataque recebendo passes, com 4083 jardas. O destaque do setor foi DeAndre Hopkins. O jogador foi alvo 150 vezes, recebendo 104 passes para 1165 jardas, 7 touchdowns e 164,5 jardas.

Com a troca de Hopkins, o time contratou dois novos WR. Esse setor agora conta com Will Fuller, além dos recém-chegados Brandin Cooks e Randall Cobb. Fuller recebeu 49/71 passes para 670 jardas e 3 touchdowns, somando 85 pontos.

Já Cooks, em seu último ano no Rams, recebeu 42/72 passes, anotando 583 jardas e 2 touchdowns. Cobb, ainda como jogador do Cowboys em 2019, recebeu 55/83 passes para 828 jardas e 3 touchdowns.

Quando o assunto é TE, o nome de destaque é Darren Fells. Ele foi alvo 48 vezes, recebendo 34 passes para 341 jardas, 7 touchdowns e 76,1 pontos.

Valor de Fantasy

Deshaun Watson: QB1 (round 6)

David Johnson: RB2 (round 4)

Duke Johnson: RB4 (round 11)

Will Fuller: WR3 (round 7)

Brandin Cooks: WR3 (round 8)

Randall Cobb: WR6 (não draftado)

Darren Fells: TE3 (não draftado)

Tennessee Titans

Brett Carlsen/Getty Images

Movimentações de destaque na intertemporada

Chegaram

Darrynton Evans, RB

Saíram

Marcus Mariota, QB

Dion Lewis, RB

Tajae Sharpe, WR

Renovaram

Ryan Tennehill, QB

Derrick Henry, RB

MyCole Pruitt, TE

Anthony Firkser, TE

Correndo com a Bola

O time teve o 3º melhor ataque terrestre, com 2223 jardas. Destaque, mais que merecido, ao Derrick Henry, que dominou o setor. O jogador correu 1540 jardas e 16 touchdowns, além de receber 18 passes para 206 jardas e 2 touchdowns – totalizando 276,6 pontos.

Darrynton Evans chega para reforçar o setor. O calouro, em seu último ano em Appalachian State, correu 1480 jardas e 18 touchdowns, além de receber 21 passes para 198 jardas e 5 touchdowns.

Passando a Bola

O 21º ataque lançando foi o de Tennessee, com 3582 jardas. Marcus Mariota atuou em 6 partidas como starter, lançando 1203 jardas, 7 touchdowns e apenas 2 interceptações – totalizando 85 pontos.

Ryan Tannehill assumiu a vaga de quarterback principal, atuando em 10 partidas como starter em 2019. Ele lançou 2742 jardas, 22 touchdowns e 6 interceptações – que somadas as suas 185 jardas terrestres e 4 touchdowns – totalizam 224,2 pontos.

Recebendo passes

O Titans também foi o 21º recebendo, com 3956 jardas. A.J. Brown foi o grande produtor do setor de receivers. O jogador foi alvo 84 vezes, recebendo 52 passes para 1051 jardas, 8 touchdowns e 165,1 pontos.

Corey Davis e Adam Humphries completam o corpo de WR. Davis recebeu 43/69 passes para 601 jardas, 2 touchdowns e 72,1 pontos. Enquanto isso, Humphries recebeu 37/47 passes para 374 jardas, 2 touchdowns e 49,5 pontos.

O setor ainda sofreu a perda de duas peças: Tajae Sharpe (25/35 passes para 329 jardas e 4 touchdowns) e Dion Lewis – 25/32 passes para 164 jardas e 1 touchdown.

Jonnu Smith foi o principal TE da equipe. O jogador foi alvo 44 vezes, recebendo 35 passes para 439 jardas e 3 touchdowns, somando 69,7 pontos.

Valor de Fantasy

Ryan Tannehill: QB2 (round 11)

Derrick Henry: RB1 (round 1)

Darrynton Evans: RB5 (não draftado)

A.J. Brown: WR1 (round 3)

Corey Davis: WR6 (não draftado)

Jonnu Smith: TE2 (round 11)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.